Terça-feira, 9 de Novembro de 2010

Nem sempre a net...

- O singular de ténis é téni.

- Não é Afonso, o A perguntou isso na aula e o Z explicou que é igual no singular e no plural, diz-se sempre ténis.

- Para mim é téni!

 

(alto e pára o baile! aqui entra a parte da teimosia cega que ainda tolero menos do que deixar ficar com o erro na cabeça, vamos acabar a discussão com provas)

 

- Venham cá, vamos ver na net que assim acabam-se as discussões.

 

(busque-se então "téni ténis")

 

"Em resumo, a palavra só tem uma forma, quer seja singular, quer seja plural.: o ténis, os ténis. À semelhança, aliás, de exemplos bem corriqueiros da nossa língua, como lápis, pires e pénis.
Pois é… quem se lembraria de dizer o "/lápi/", o "/pire/" ou o "/péni/"? Mas há muito boa gente a dizer…o "/téni/"! Ele há cada uma!
"

 

pois ele há com cada uma... a dúvida ficou esclarecida, agora tratemos do pénis, salvo seja. Não sem antes agradecer a oportuna ajuda do site Ciberdúvidas da Língua Portuguesa...

 

(* nota: apesar da "piada" do exemplo, o site Ciberdúvidas é um serviço online de grande utilidade. entenda-se o aqui relatado, real, de ontem, com a mesma boa disposição com que foi encarado)

publicado por joao moreira de sá às 10:53
link do post | comentar | favorito
|
Agradecimentos





.links

.Quem?

Arcebispo de Cantuaria Uma mente delirante e não muito normal encerrada num corpo com 40 anos (embora um teste da Sábado diga que na realidade tenho 47). Presentemente desempregado mas com boas perspectivas de conseguir vir a trabalhar num call-center. Escrevo porque não gosto lá muito de falar e como irresponsável que sou, acredito que um dia ainda irei conseguir ser pago para escrever. jmoreiradesa@gmail.com

.A razão porque este belogue existe

Podia ser (mais) culto, ler e reler os clássicos da literatura, devorar ensaios, ler diariamente os jornais nacionais e alguns estrangeiros, assinar as revistas de referência mas diversas áreas do saber. Podia, e gostava, mas era preciso que estivessem reunidas duas condições, ter dinheiro para tal e acima de tudo, não ter filhos de tenras idades. Mas enquanto cada hora dedicada a ler a opinião dos cultos deste mundo sobre as suas (poucas) graças e (muitas) desgraças - do mundo e às vezes dos próprios - representar uma hora a menos de brincadeira, receio que vou continuar a optar por ser culto lá mais para o fim da vida, se lá chegar.






MAIS INFORMÇÃO

.posts recentes

. Pelos olhos dele(s)

. E acham mesmo que é assim...

. Do ler

. Os "perigos" da internet ...

. Estranhos dias

. E por falar em desenhos

. Afonso, o desenhador

. Mas não pode ser o Harry ...

. Diálogos normalíssimos

. Se querem discutir, discu...

.arquivos

.pesquisar

 

.Novos posts por email

Endereço de email:

fornecido porFeedBurner

.subscrever feeds







MAIS INFORMÇÃO

Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!